top of page

TÍTULOS AMERICANOS ATRELADOS À INFLAÇÃO? SIM, ELES EXISTEM

Muitos investidores brasileiros nos perguntam se existem bonds pós-fixados pela

inflação, similares aos títulos do Tesouro Direto IPCA+ do Brasil. A resposta é sim, são os TIPS, Treasury Inflation-Protected Securities, que são títulos do tesouro americano que corrigem o valor investido de acordo com a inflação.


Como funcionam os TIPS?

Os TIPS são emitidos com estas principais características:

  1. Paga juros (“cupom”) anual fixo sobre o principal;

  2. O valor do principal varia de acordo com o índice de inflação, mais especificamente o índice CPI-U (Consumer Price Index for All UrbanConsumers) medido pelo Bureau of Labor Statistics;

  3. Como o componente juros é fixo e a componente inflação é incerta, é o preço do título que varia todos os dias refletindo as oscilações da curva de juros e do índice inflacionário.


O ajuste do principal ocorre a cada 6 meses junto com o pagamento de cada parcela dos cupons que são semestrais também. Por exemplo, se um TIPS é emitido com valor de face de $10.000,00 e a inflação no período for de 5%, o valor do principal é ajustado para $10.500,00.


Como o cupom anual é fixo em termos percentuais, o valor nominal cresce se o valor do principal também aumenta. Usando o mesmo exemplo, se a mesma emissão fosse emitida com um cupom de 1%, ele pagaria $100 ao ano de juros (1%de $10.00,00). No entanto, como o valor do principal aumentou para $10.500,00, no próximo período o cupom será de $105.00 (1% de $10.500,00).


O valor de face do título pode também diminuir se houver deflação no período, no entanto, nunca abaixo do valor inicial, e no nosso exemplo este mínimo seria de$10.000,00. Este “chão” para o valor do principal também é garantido pelo tesouro americano.


Considerando que o valor do principal é ajustado pela inflação, pode-se inferir que o cupom pago é o juro real que o investidor recebe.


Os TIPS negociam com boa liquidez?

O volume de TIPS emitido é de cerca US$200bn ao ano, o que representa cerca de 8% do total de divida emitida pelo tesouro americano. Os títulos são tipicamente emitidos com prazos de 5, 10 e 30 anos. Eles são emitidos geralmente em janeiro, abril, julho e outubro de cada ano. Como há muita liquidez e muitos títulos emitidos, o investidor consegue encontrar TIPS com diferentes vencimentos sendo negociados no mercado secundário.


Os TIPS são um bom investimento?

Se o nível da inflação vier acima da expectativa do mercado, vai ter valido a pena terá postado nas nos TIPS. E como um investidor sabe qual é a expectativa do mercado? A expectativa do mercado neste caso, também chamado de “taxa debreak-even” é a diferença da rentabilidade entre o título do tesouro americano pré-fixado, as US Treasuries (“UST”) e a rentabilidade dos TIPS com vencimentos similares. Por exemplo, no inicio deste mês, a rentabilidade das UST (pré-fixadas) de5 anos estava em torno de 4.65% enquanto a rentabilidade dos TIPS com vencimento similar estava em torno de 2.3% + inflação. Portanto, a expectativa de inflação no período é de 2.35% (4.65% – 2.3%). Se a inflação no período for acima de 2.35%, terá sido melhor ter comprado os TIPS; e se o CPI-U vier abaixo, investir nas UST terá sido a melhor opção. Para uma visualização melhor desta expectativa, veja o gráfico abaixo. A área cinza é a expectativa de inflação e a área azul reflete os juros reais que o investidor recebe ao investir em TIPS.


Fonte: www.home.treasury.gov; Charles Schwab



Como ou onde eu compro TIPS?

Os TIPS podem ser comprados em quaisquer corretoras americanas, no entanto, algumas corretoras cobram o chamado “mark-up” (ou “spread”). Ou seja, a maioria das corretoras compram os títulos no mercado secundário a um determinado preço e depois os revendem um pouco mais caro, prejudicando a rentabilidade para o cliente. Algumas corretoras maiores como a Charles Schwab não cobram este “spread” sobre o mercado assim mantendo a rentabilidade inteira para o investidor final. Os TIPS também podem ser comprados no site do governo que tem uma plataforma específica para este ativo.







Por Shinichiro Fukui

Stratton Capital Investment Advisory



3 visualizações0 comentário

Comentários


bottom of page